Normas do Cobre

As normas do cobre definem as propriedades específicas do cobre e suas ligas. O uso das normas é essencial na definição adequada do tipo, forma e condição de uma liga, além do mais, as normas do cobre formam uma linguagem comum entre produtores, comerciantes, e usuários das ligas de cobre.

A globalização dos metais e das industrias de manufatura aumentam ainda mais a importância de ser capaz de comparar as normas da Europa, América, Japão e outras normas globais do cobre.

As normatizações do cobre européias são unificadas através de um sistema desenvolvido pelo Comitê Europeu de Normalização (CEN). Esse sistema usa uma designação de seis dígitos alfa-numéricos. A primeira letra, "C", indica uma liga de cobre. A segunda letra indica a forma do produto ex. B - Lingote para refusão para produção de produtos fundidos, C - Produtos Fundidos, F - Material de enchimento para brasagem e soldagem, M - MASTER ligas, R - COBRE REFINADO EM FORMAS BRUTAS, S - SCRAP, W- Produtos forjados e X- Materiais não padronizados/normatizados. Três números são usados para identificar o material, e a última letra é usada para identificar a classificação dos grupos de materiais do cobre e aumentar a capacidade do sistema de designar.

Na América do Norte, os padrões para as ligas de cobre são unificadas através do Sistema Numérico Unificado (UNS) que é administrada juntamente pela Sociedade Americana para Testes e Materiais (ASTM) e a Sociedade dos Engenheiros Automotivos (SAE). SOB o sistema da UNS, cobres e ligas de cobre são designadas por cinco dígitos numéricos precedida pela letra "C". Os códigos de cinco dígito são com base na, e substituem, um antigo sistema de três dígitos desenvolvidos pelas industrias americanas do cobre e latão.

O antigo sistema era administrado pela Associação de Desenvolvimento do Cobre (CDA), e em muitos documentos e impressões as ligas de cobre ainda são identificadas pelos números da CDA. As designações da UNS são simplesmente uma extensão de dois dígitos dos números da CDA para acomodar novas composições. Por exemplo, FREE-CUTTING BRASS, liga conhecida como No. 360, tornou-se UNS 36000. Designações da UNS têm sido incorporados nas normas de cobre mais relevantes como ASTM, ASME, e SAE.

No sistema UNS, números a partir de C10000 até C79999 denotam-se ligas forjadas. Enquanto ligas fundidas possuem designações variando de C80000 até C99999. Dentro dessas duas categorias, as composições são agrupadas em distintas famílias de ligas de cobre, incluindo os seis maiores grupos: cobres, COBRE DE ALTA LIGA, latões, bronzes, cobre-níquel e níquel-prata. As ligas que não se enquadram em um desses seis ramos são classicados como "outras ligas de cobre-zinco", composições forjadas ou "ligas especiais", e composições fundidas.

As normas japonesas JIS para cobre são principalmente baseadas nas normas ISO. As especificações começa com uma prefixo JIS, e seguida pela letra "C" para cobre e ligas de cobre forjados e um número de quatro dígitos que se refere aos elementos de liga que foram adicionados. Exemplos: JIS C1020 que contém Cu 99,9%, JIS C2720 é um Cu-Zn (Bronze), JIS C5191 é um Cu-Sn-P (BRONZE FOSFOROSO), JIS C3601 é um Cu-Zn-Pb (LEAD ALLOYED BRASS), JIS C6801 é um Cu-Zn-Al (bronze), JIS C 4430 é um Cu-Zn-Sn (bronze) etc.



A Total Materia propriedades de metais do mundo inteiro num pesquisável e integrado banco de dados. Rápido e fácil acesso às propriedades mecânicas, composições químicas, tabelas de referências cruzadas, fornece aos usuários uma riqueza extraordinária de informações. Clique no botão abaixo para um test drive pelo banco de dados da Total Materia.

Normas Internacionais do Cobre e equivalentes em um lugar: Total Materia

Com a Total Materia, encontre informações sobre as especificações de padrões sobre alumínio, sua condição atual e os materiais definidos em apenas um clique.

Simplesmente selecionando uma Organização Desenvolvedora de Normas (SDO) e/ou digitando o número da norma/padrão ou mesmo uma palavra chave, você receberá imediatamente resultados de um banco de dados multilíngue com cerca de 52.000 normas/padrões. Por exemplo, para encontrar a norma ISO para o cobre, você pode simplesmente digitar cobre no campo de descrição da norma/padrão e selecionar ISO nas opções.

Normas do Cobre: Um exemplo de uma lista da norma/padrão ISO de cobre

A lista de resultados consiste em uma centena de normas/padrões ISO que incluem a palavra cobre nas descrições; Maioria delas definem as ligas de cobre e suas propriedades. Os outros descrevem outros aspectos, como a determinação de cobre em outras ligas e métodos analíticos. A informação inclui: descrição da norma/padrão, o último ano emitido, condição atual (válido, substituído, etc.) e um link com os materiais definidos por essa norma/padrão.

Por simplesmente clicar no link do material, você pode ver a lista de materiais metálicos definidos pela seleção de norma/padrão.

Normas do Cobre: Um exemplo de uma lista da norma/padrão ISO de cobre

Da lista de materiais, você pode revisar propriedades detalhadas e equivalentes de cada material.

Normas do Cobre: Exemplo de materiais definidos pela norma/padrão ISO 1336 para cobre